Caixa de passagem precisa se aposentar

As famosas caixas de passagem em instalações elétricas de máquinas e equipamentos persistem ao tempo. Mas, te pergunto: Não será que a produtividade, segurança e robustez dos equipamentos da sua empresa persistem em baixa por conta do uso das caixas de passagem?

Ainda é comum presenciarmos o uso de caixa de passagem nas instalações elétricas de máquinas e equipamentos, principalmente na distribuição de sinais digitais para válvulas, sensores, acionamentos e outros dispositivos elétricos em corrente contínua (24Vdc).

Mas, é inevitável que toda vez que presenciamos isso nos esforçamos para apresentar ao cliente ou parceiro a mesma “conta” de investimento em componentes e principalmente tempo. Vamos ver alguns destes itens:

O que está dentro da caixa de passagem?

Sem fazer força para lembrar todos os itens relacionamos:

  • A caixa (com espeço de sobrando para ampliações);
  • Fios;
  • Bornes;
  • Régua de borne;
  • Prensa cabos;
  • Vedações;
  • Parafusos;
  • Identificações de fios;
  • Conexões modulares (entrada da caixa) etc.

Sabendo que (dependendo de quantos pontos devem ser conectados) a variedade e quantidade destes itens podem ser incrivelmente grandes, pergunto: Que tal trocar tudo isso por um único componente? Que tal trocar tudo isso e ainda garantir redução do tempo de montagem e aumento da robustez na instalação?

Distribuidores de sinal Murrelektronik

Na vanguarda da substituição da caixa de passagem por distribuidores passivos (sinais diretos) e ativos (FieldBus), a Murrelektronik possui uma variedade de produtos e dispositivos que reduzem de forma relevante a quantidade de itens da instalação elétrica fora do painel.

Além da redução de itens de instalação, tais distribuidores proporcionam a:

  • Redução de fios e cabos dispostos ao longo das máquinas e equipamentos;
  • Redução do tempo investido na instalação elétrica:
    • Considerando 64 I/Os, estima-se o tempo de 120 segundos para a instalação DE CADA UM DOS PONTOS utilizando caixa de passagem. Esse tempo é reduzido para 10 SEGUNDOS POR PONTO DE LIGAÇÃO utilizando distribuidores de sinal;
  • Realização de diagnóstico de sinais nos momentos de tryout, instalação e manutenção (no cliente):
    • Cada um dos pontos de entrada e saída possui um LED de indicação de alimentação e sinal, proporcionando rápida identificação de falhas;
  • Redução de possibilidade de falhas por conta da grande diminuição de componentes presentes na instalação elétrica da máquina;
  • Melhora nas condições de trabalho, do planejamento, do projeto e da instalação elétrica, por conta da facilidade de compra, desenho e montagem proporcionada pelo distribuidor de sinais.

O que não vale é continuar fazendo igual

Nossos consultores e especialistas estão a sua disposição para demonstrar estas e diversas outras vantagens do uso de distribuidores de sinais nas suas máquinas e equipamentos. Será um prazer atende-lo.

Se o botão não estiver funcionando Clique Aqui!

Facebooktwitterlinkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.