Conectores de Válvula: use a melhor solução

Hoje quero falar de um item bem convencional em instalações industriais que são os conectores de válvula. Produto que nos toma muito tempo com montagens complicadas, demoradas e suscetíveis a erros, mas que na maioria das vezes não nos damos conta disso.

Hoje em dia uma das palavras chave na fabricação de máquinas e equipamentos é PRODUTIVIDADE. Mas será que nós nos esforçamos para alcançar essa tal produtividade?

É muito comum que ao comprar uma válvula o conector já venha junto no pacote, “sem custo adicional”, mas na verdade o valor do conector já está incluso no preço da válvula e não nos damos conta disso. E lembre-se que ainda falta incluir o item mais caro do produto, o cabo (cabos de válvula são mais caros do que cabos de sensor e precisamos levar em consideração na hora do custo total). Ainda falando em valores, falta incluir o HH (valor homem hora) do montador, tudo bem que o valor não vai ser expressivo, mas precisa entrar na conta. Além do mais, estes conectores geralmente não têm LED nem supressor de ruído e tecnicamente isto faz muita diferença, principalmente com a vida útil do equipamento.

As desvantagens 

Depois de falar destes valores inclusos ainda temos que levar em consideração que quando compramos o cabo nós normalmente não compramos apenas 5 ou 10 metros, nós compramos um rolo de no mínimo 50 metros. O volume de um rolo de 50 metros de cabo de válvula não é pequeno, logo, teremos que ter um lugar para armazenar este volume.

Outro ponto negativo; o conector de válvula é composto por várias peças pequenas e complicadas de manusear, há um grande risco de perder peças. Outra coisa que não é tão difícil de acontecer é perceber que ao terminar de montar o conector faltou colocar o prensa cabo, que seria a primeira peça do quebra cabeça, ou seja, teremos que desmontar e começar tudo de novo. Sim, o erro na montagem é mais comum do que imaginamos! Ao montar os 5 primeiros conectores ainda estamos com a concentração “afiada” mas depois disso, quando chegarmos nos 10, 15, 20 conectores a nossa concentração já não é mais a mesma e o risco de erro humano cresce consideravelmente a cada conector montado.

Eu comecei este texto falando em produtividade, mas até agora foram citados os valores envolvidos na montagem, armazenamento do cabo e os possíveis erros humanos, porém, talvez o fato mais importante seja o tempo de montagem. Será que sabemos quanto tempo levamos na montagem de um conector?

Nós fizemos o teste. Vamos aos resultados!!!

No teste escolhemos 4 técnicos para montar o conector da imagem abaixo. Na tabela segue os tempos de montagem de cada técnico:

 

murrphy

Analisando em uma situação prática

Um fabricante de prensas tem o volume de fabricação de 30 prensas por mês. Em cada prensa são utilizados 6 conectores de válvula com 5 metros de cabo cada. No total este Cliente monta 180 conectores por mês. Se um técnico se dedica SOMENTE na montagem dos conectores ele irá dedicar simplesmente 17 horas e 21 minutos!!! Isso mesmo, são mais de 17 horas do mês montando conector. Sem contar os possíveis contratempos com erros de montagem, com as pausas entre um conector e outro etc.

Já pensou se você pudesse utilizar uma solução muito mais rápida, segura e produtiva? Pois é! Conectores de Válvula injetados são a melhor solução!

Faça as contas e veja que além de ser mais seguro e produtivo os conectores de válvula injetados oferecem melhor custo benefício!

Peça já sua proposta!!

Se o botão não estiver funcionando Clique Aqui!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *