Como a modernização dos processos produtivos impulsionou a indústria

Com a ascensão dos mundos físicos e digitais, os processos produtivos vêm se alterando drasticamente e ainda irão continuar evoluindo no futuro. Desde a Primeira Revolução Industrial, ocorrida entre 1760 até 1860, várias alterações tornaram os processos produtivos mais ágeis, rápidos, práticos e, acima de tudo, mais produtivos. 

Novas revoluções vieram e a capacidade de transformação das indústrias ficou ainda mais clara. Porém, após a humanidade ter alcançado o que muitos enxergam como o ápice da tecnologia, será que ainda é possível falar de modernização?

O artigo a seguir irá abordar as diversas maneiras como a modernização dos processos produtivos impulsionaram e ainda impulsionaram a indústria, levando as sociedades a ganhos nunca antes imaginados.

Mas, afinal: por que a indústria é tão importante?

Obviamente, a indústria é responsável pela produção de produtos. Tipicamente, tais itens são produzidos em larga escala quando comparados com outros tipos de produção mais artesanais. 

O sistema de manufatura ainda possui grande importância na produção de infraestruturas, tais como estradas, ou ainda, itens específicos como uma estrutura metálica para telhado, por exemplo. Em diversos âmbitos, as indústrias assumem o papel de responsáveis pela produção de grande parte do sustento humano.

Além disso, os produtos industrializados possuem um grande valor agregado, fazendo com que muitas nações intensamente industrializadas consigam exportar mais produtos do que importar.

Entre os benefícios trazidos pela indústria para as nações, pode-se citar a criação de empregos e o desenvolvimento de novas tecnologias, gerando itens suficientes para a sobrevivência dos atuais 7 bilhões de habitantes do mundo. 

A importância da modernização de processos industriais

Com o passar do tempo, novas tecnologias vão sendo desenvolvidas para que a produção industrial se torne cada vez mais rentável e lucrativa. Nesse sentido, existem cinco motivos principais pelos quais a modernização dos processos industriais é tão importante para o mundo atual:

1) Ela facilita a superação de desafios

As indústrias e companhias estão buscando se tornar mais flexíveis e adaptáveis às grandes tendências dos negócios, isso porque, na atualidade, existem grandes desafios capazes de prejudicar a lucratividade das indústrias, tais como:

  • A instabilidade do mercado;
  • A diminuição da vida útil dos produtos;
  • Maior complexidade dos produtos;
  • Maior demanda global.

Por essa razão, a modernização dos processos industriais vem buscando superar esses desafios por meio de ações como a digitalização de todo o processo produtivo de um produto, permitindo que as companhias usem informações digitais para a produção. 

Além disso, itens e equipamentos inteligentes possibilitam uma maior flexibilidade na produção. Com essas tecnologias, as companhias conseguem reagir de maneira mais rápida a mudanças na demanda, bem como implementar novas configurações de produção. 

Dessa maneira, uma indústria responsável pela produção de chapa expandida, por exemplo, consegue desenvolver novos métodos produtivos e avançados, fornecendo uma imagem positiva da companhia perante os consumidores.

2) Ela cria uma economia inovadora

Processos modernos não só aprimoram a eficiência da produção, mas também a acelera. Equipamentos modernos como o uso de sensores promovem uma melhoria no desempenho de equipamentos através de serviços como a manutenção preventiva e corretiva. 

Nesse sentido, novas lógicas de trabalho estão surgindo, em que engenheiros mecânicos não estão mais vendendo ou produzindo máquinas, mas sim utilizando o seu conhecimento para a realização de serviços aos seus consumidores, tais como o conserto de peças para compressor de ar, por exemplo, entre outros equipamentos industriais. 

3) Ela coloca o consumidor no centro das atividades

Após a evolução do modo toyotista de produção, o qual se contrapunha ao fordismo no momento em que defendia uma preocupação com as características únicas de cada produto, as demandas dos consumidores são de produtos personalizados. Ou seja, “feitos para mim”.

A modernização dos processos produtivos permitiu que cada vez mais produtos customizados e únicos fossem produzidos sem custos extras. Nesse caso, o mundo digital permitiu também a facilidade de captação dos desejos dos consumidores, levando ao desenvolvimento mais rápido de novidades de acordo com as necessidades das pessoas. 

É nesse sentido que nasce companhias tais como uma fabricante de elevador de carga industrial, por exemplo, capaz de criar equipamentos sob demanda conforme a vontade do cliente.

4) Ela coloca o ser humano no centro da produção

Apesar do que muitas pessoas pensam, conforme os processos produtivos vão se modernizando, cada vez mais o ser humano possui mais poder sobre uma linha de produção. Isso porque as máquinas estão se tornando mais inteligentes, exigindo que o comando dos trabalhos realizados por elas seja mais profissionalizado e humanizado. 

Enquanto que, por um lado, a manufatura diminuiu a necessidade de uma mão-de-obra ampla, ela fez com que um só trabalhador agregasse todo o conhecimento técnico em suas mãos. 

Tudo isso faz com que o ser humano seja extremamente necessário dentro das indústrias para manejar a complexidade das operações, bem como solucionar problemas e organizar linhas de produção cada vez mais tecnológicas. 

Isso quer dizer que o conhecimento necessário para controlar toda uma fabricação de peças industriais, por exemplo, feita de maneira automatizada precisa ser bastante amplo. Essa situação possibilita que as empresas respondam rapidamente a mudanças no ambiente externo.

5) Ela permite uma prosperidade sustentável

A modernização dos processos produtivos está provocando uma extinção dos antigos modelos de industrialização. As grandes economias do mundo estão cada vez mais reconhecendo certos riscos da globalização e da industrialização, como o esgotamento de recursos naturais e os impactos ambientais. 

No caso, a evolução das indústrias permite que novas soluções sejam encontradas para esses desafios. Novas tecnologias inovadoras e inteligentes estão permitindo uma redução drástica no consumo de energia, auxiliando as companhias a sustentarem os seus negócios. 

Dessa maneira, uma fabricante moderna de peças para empilhadeira, por exemplo, pode conquistar benefícios como a diminuição gastos de recursos sem diminuir a quantidade e a qualidade de seus produtos.

Tudo isso é feito por meio de novos modelos produtivos que permitem a produção industrial em praticamente qualquer lugar do mundo. Considerando a amenização dos impactos refletidos pelas indústrias, torna-se mais viável conciliar o crescimento humano e industrial com a preservação da natureza.

O impacto da gestão de processos na modernização

A gestão de processos pode ser considerada o conjunto de práticas cujo objetivo principal é provocar o aperfeiçoamento constante de processos organizacionais dentro de uma instituição, empresa ou industrial. 

Para essa tarefa, os gestores precisam ser capazes de identificar, documentar, desenvolver, controlar e monitorar todos os processos que acontecem dentro de uma companhia. Isso, pensando no caso de uma indústria produtora de peças usinadas, por exemplo, exige um conhecimento amplo de todo o processo produtivo, incluindo a obtenção de insumos e de matéria-prima até a transformação e a entrega do produto final.

Na atualidade, a gestão de processos dentro das empresas vem se tornando cada vez mais essencial. Isso porque a competitividade dentro do mercado aumentou, influenciada por questões como o fácil acesso à informação, o desenvolvimento de tecnologias que diminuíram o custo de abertura de empresas e o um maior acesso a créditos bancários. 

Portanto, a gestão de processos busca levar uma empresa a participar de novas realidades que estão sendo demandadas pelo mercado. Com isso, torna-se possível estabelecer ações eficientes, procurando reduzir riscos operacionais e financeiros durante o desenvolvimento de cada setor industrial, seja ele químico, como uma indústria que fabrica filtro prensa, por exemplo, agrícola ou mecânico.

O passo principal para o desenvolvimento dos processos produtivos é procurar integrar todas as atividades industriais desenvolvidas pelos diversos setores de uma companhia, como o administrativo, o contábil, o financeiro, o fiscal, o analítico, a manufatura e o controle de qualidade. Assim, deve-se apurar e relacionar diversas informações fazendo uso de bastante agilidade e precisão.

É importante perceber que a gestão de processos procurar garantir que toda a produção industrial esteja bem definida, otimizada e documentada. 

Isso promove o aperfeiçoamento ou a substituição de certas ações por outras mais adequadas quando é preciso. Dessa forma, diante da constante dinamicidade do mundo e do mercado, adquirir uma postura conservadora e passiva diante das mudanças que ocorrem tecnológica e socialmente pode ser bastante maléfico para as organizações. 

Os conhecimentos da modernização de processos são cruciais para qualquer tipo de indústria, colaborando com o fortalecimento de indústrias mais eficientes e que se destacam dentro do mercado.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Facebooktwitterlinkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.