Fabricante de CLPs Siemens

Conheça os maiores fabricantes de CLPs!

Você já se perguntou quem são os maiores fabricantes de CLPs usados no Brasil? Eu sempre acabava me fazendo essa pergunta. Quando eu pensava: “Qual CLP eu devo aprender a usar?”; “Qual CLP eu devo especificar?”; “Para qual CLP eu devo desenvolver um produto?”. Sempre que eu tinha essas dúvidas, eu caia na mesma pergunta: Quais os maiores fabricantes de CLPs usados no Brasil. Bom, para resolver, coloquei a pergunta na pesquisa de automação.  

Há alguns meses fizemos a Segunda Pesquisa de Automação Industrial do Mercado Brasileiro. Consulte ela se você quiser saber sobre qual o percentual de fabricantes de máquinas / clientes finais, quantos funcionários as empresas tem na média, quanto nosso mercado já conhece sobre indústria 4.0, quanto estão investindo, etc.

Hoje vou colocar três informações muito relevantes para o nosso mercado. Quais são os controladores mais usados, quem são os fabricantes mais citados e quais são as redes mais usadas.

 

Saiba como a Indústria 4.0 afetará a automação industrial. Cadastre-se!

 

De onde são os pesquisados?

Uma das perguntas que você pode se fazer, é onde estão os automatizadores no Brasil, bom isso nossa pesquisa também encontrou… A maioria está em São Paulo, seguido por Paraná e Santa Catarina. Infelizmente Centro-Oeste, Nordeste e Norte ainda estão com baixa participação na pesquisa, mas esses números também são próximos da distribuição do PIB Industrial Brasileiro. Minas Gerais ficou particularmente baixo, se compararmos com o PIB Industrial. 

Profissionais por estado

Principais Controladores

Literalmente 80% dos entrevistados usam CLP. Alguns deles usam CLP + IHM. Esse valor é marginalmente abaixo da pesquisa de 2016 (84%), o que pode indicar uma migração para novas tecnologias. Eu espera que aparecesse aqui, a informação que o PCs Industriais estivessem crescendo, mas não foi o que aconteceu, em 2017 estão com 2% do mercado, enquanto em 2016 estavam com 4%.

Resta saber se esses 41% usam CLP+IHM em um único encapsulamento, como são as IHMs mais modernas ou se são dois equipamentos como fazemos tradicionalmente. Tarefa para a próxima pesquisa.

Maiores controladores: PLC+IHM, CLP, CNC, SDCD, PC Industrial, Outros

 

Maiores Fabricantes de CLPs

Eu imaginava um valor parecido com exceção do percentual de baixo (na minha opnião) de participação de mercado da Rockwell. Uma hipótese minha é que a baixa quantidade de entrevistados (250) frente ao universo estudado, pode ter gerado essa distorção. Vamos ver nas próximas pesquisas.

A Siemens lidera a a pesquisa de fabricantes com 44% das respostas enquanto a Rockwell está com 21%, Schneider aparece com 8% e outros com 20%. Fabricantes mais ligado com indústria de processos como Emerson, GE e ABB também estão baixos.  

Maiores fabricantes de CLPs: Siemens, Rockwell, Outros, Schneider, Emerson, GE/Fanuc, ABB

 

Redes Mais usadas x Fabricantes de Controladores

Com a informação das redes mais usadas e dos fabricantes em mão. Fiz um cruzamento interessante. Qual a relação entre redes e fabricantes de controladores. Por exemplo: Quem colocou que usa Ethernet/IP, colocou qual fabricante de CLP?

Veja o gráfico abaixo, vários pontos interessantes. Fica claro que a Rede Ethernet IP é a mais usada no Brasil e que seu maior incentivador é a Rockwell, mas apareceram outros fabricantes como GE, Emerson e Siemens… Mais tarefa para a próxima pesquisa.

Profinet é dominado pela Siemens ainda, Profibus um pouco mais distribuída e as outras redes totalmente distribuídas. 

Maiores redes industriais: Ethernet, Profinet, Profibus, Modbus, Outras, Ethercat, IO-Link, ASi.

 

Conclusões

Saber os maiores fabricantes de CLPs vendidos no Brasil deve priorizar nossos esforços em treinamento, planejamento e especificação. Essas informações serão úteis para você conseguir ser mais produtivo e aumentar a lucratividade da sua empresa.

Gostou dessas informações, clique aqui e baixe gratuidamente um infográfico da pesquisa de automação industrial de 2017 com outros dados. 

 

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

16 comments

  1. Leonardo Pantojo

    Boa tarde, são 250 empresas, na pesquisa fala de uma média de funcionários, sabe dizer a quantidade de profissionais que foram entrevistados?

    (comentei lugar errado “repostando”)

    • Marcelo Barboza

      |Author

      Francisco, excelente pergunta. Também não sei. Talvez até fabrique… E acho que nem meus amigos da Siemens do Brasil saiba, talvez só quem decida a estratégia da Siemens mundialmente saiba… Obrigado pela confiança e pela audiência.

  2. Hoje trabalho numa startup que fabrica controladores aqui no Brasil , com mesmo tipo de comunicação Ethernet , Modbus etc ,
    Gostaria de ter mais informações sobre este mercado e também a opinião de vocês ou sua Marcelo sobre a abertura do mercado aceitar um novo fornecedor.

    • Marcelo Barboza

      |Author

      Flávia, o mercado de automação industrial brasileiro é muito consolidado (85% em dois fornecedores), veja as pesquisas aqui no blog, e muito conservador, há anos não vejo novos fornecedores.
      Mas estamos em um momento diferente. Se o seu produto é realmente inovador e trás um ganho de produtividade para a indústria, eu apostaria. Fique a vontade para entrar em contato, quem sabe possamos fazer algum tipo de parceria?

  3. Anísio Chagas

    Marcelo, bom dia. Me chamou a atenção o fato de que a rede Devicenet, proprietária da Rockwell, não apareça nas pesquisas, mostrando o baixo volume de aplicações dessa rede, ao contrário do que eu imaginava. Mostra também que a Rockwell tem dado prioridade à Ethernet/IP como carro-chefe de suas redes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.