Você tem usado Redes Industriais nos últimos tempos?

Há mais de 20 anos as Redes Industriais apareceram no mercado de Automação industrial. As experiências com a utilização destas importantes tecnologias de comunicação de dados são das mais diversas. Neste primeiro conteúdo de uma série importante sobre o assunto perguntamos: Faz um bom tempo que não olha pelas Redes Industriais? Então sugerimos que faça isso agora…

Voltando a olhar pelas Redes Industriais

Olhando pelos profissionais de Engenharia e Projetos em fabricantes de máquinas e equipamentos,  as experiências sobre Redes industriais são das mais diversas. Para facilitar nosso início de assunto vamos dividir esta “turma” em alguns grupos:

  • Estudei sobre, mas nunca tive a oportunidade de aplicar;
  • Fiz um ou outro projeto, mas o assunto não está em pauta no momento;
  • Já realizei alguns projetos, mas as vantagens não ficaram claras.

Se você é um profissional experiente na utilização de Redes Industriais e faz isso com frequência, te convidamos para participar de um dos nossos próximos artigos, ok? Para isso faça contato a nossa Diretoria de Marketing.

Estudei sobre Redes Industriais, mas nunca fiz um projeto com elas.

Dedicar tempo para entender mais sobre Redes Industriais é uma tarefa muito boa. Porém, ao mesmo tempo que descobrimos um infinidade de informações e possibilidades sobre o assunto, nos deparamos com inúmeras dúvidas quanto a tecnologia a ser aplicada, a forma de aplicação de tecnologia, cuidados que devem ser tomados, expectativas de resultados etc. Nossa sugestão quanto a isso? Comece devagar…

Na atualidade existem algumas possibilidades de Redes Industriais para equipamentos de pequeno porte ou instalações de menor complexidade que podem ser utilizadas para que os benefícios desta tecnologia fiquem mais claros para você e para que consiga apresentar as vantagens alcançadas para para sua diretoria. Em artigos seguintes a este iremos falar melhor sobre quais vantagens perseguir como forma de orientar seus objetivos.

Fiz um ou outro projeto, mas o assunto não está em pauta neste momento.

Momento de recessão, diminuição de equipe, reorganização na empresa a novas exigências de mercado etc., são tantos os motivos para você continuar fazendo as coisas da forma que sempre fez, certo? Mas pergunto: Não seria justamente neste momentos que devemos buscar novas formas de projetar e entregar novos resultados para nossos clientes?

Não sei quanto tempo você olhou por Redes Industriais, mas te afirmo: Novas possibilidades quanto à tecnologia, novos componentes disponíveis e novos custos de projetos estão à sua disposição. Como um exemplo: Você já ouviu falar em IO-Link

Para revisar seus conhecimentos sobre o tema sugerimos buscar no histórico de projetos realizados por você as vantagens adquiridas e possíveis problemas encontrados. Logo em seguida entender o quanto as Redes Industriais mudaram e o quanto os componentes disponíveis no mercado hoje avançaram.

Realizei alguns projetos com Redes Industriais, mas as vantagens não ficaram claras.

Nem sempre temos tempo para avaliar todos os resultados das atividades que desenvolvemos, certo? Isso é uma grande pena… Em projetos falamos que a realização de reuniões de lições aprendidas após a entrega trazem inúmeras vantagens para os seguintes. De saída indicamos esta prática para você.

Mas, uma das melhores formas de deixar claras as vantagens e problemas sobre a utilização de uma tecnologia é PERGUNTANDO AO CLIENTE! Isso pode trazer para você e para a sua empresa diversas possibilidades de negócios, energizar a equipe de projetos com novos insights sobre melhorias, retomar ideias do passado que podem fazer uma grande diferença para seus projetos neste momento etc., ou seja, “tirar a poeira” dos projetos passados pode fazer muito bem!

Abrindo as portas sobre Redes Industriais

Mais uma vez estamos aqui abrindo uma sequência de artigos sobre um importante item. Siga conosco nesta trilha de conteúdo, porém, se precisa acelerar o processo e entender agora o que pode fazer quanto a Redes Industriais, faça contato com nossa Engenharia de Aplicação e fale com nossos especialistas sobre o assunto.

Se o botão não estiver funcionando Clique Aqui!

Facebooktwitterlinkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.