segurança do trabalho na automação industrial

Segurança do Trabalho na Automação Industrial — Conheça as Soluções

Um tema frequente no campo da indústria e direitos humanos é a  segurança do trabalho na automação industrial. Mas afinal, qual seria o motivo? O Brasil ocupa a quarta colocação no ranking global de países com mais acidentes de trabalho, segundo a Organização Internacional do Trabalho — OIT —, ficando atrás somente da China, Índia e Indonésia.

De acordo com os dados da organização, o país registra cerca de 700 mil acidentes laborais por ano, sendo que cinco mil culminam em fatalidade. Este cenário por si só já seria alarmante. No entanto, a maioria dos casos acontece em ambientes de indústrias e fábricas, ou seja, locais onde os colaboradores executam atividades de alta periculosidade e por isso, deveriam ter mais recursos que os resguardassem.

Contudo, estão sendo feitos esforços para que isso deixe de ser uma realidade para quem faz parte da mão de obra que opera equipamentos que oferecem tantos riscos, veja mais a seguir.

A NR-12 e a segurança do trabalho na automação industrial

A Norma Regulamentadora NR12 se refere às medidas de proteção para garantir a saúde e a integridade física dos trabalhadores. A legislação estabelece requisitos mínimos para a prevenção de acidentes, doenças do trabalho nas fases de projeto e de utilização de máquinas.

Para que as fábricas implementem sistemas que atendam devidamente esta norma, estas devem seguir os principais tópicos:

  • manter o foco na segurança;
  • ter conhecimento da legislação como um todo;
  • fazer constantes análises de risco;
  • determinar o nível de segurança para execução da atividade;
  • especificar o uso de cada equipamento;
  • elaborar um projeto aderente;
  • confeccionar um manual de usabilidade;
  • obter a ART – Anotação de Responsabilidade Técnica – do Engenheiro responsável. Se trata de um documento legal que identifica o responsável técnico por um serviço prestado ou uma obra realizada;
  • treinar e monitorar os trabalhadores.

Com a implantação da  indústria 4.0, as máquinas e equipamentos tem se tornado cada vez mais inteligentes. Em função disso, a tendência é que a NR-12 se popularize, fazendo com que haja um aumento da automação para uso de segurança eletrônica.

Por fim, podemos concluir que a segurança operacional é a base que sustenta a indústria, portanto, a mão de obra humana e o meio ambiente devem ser o foco quando se trata de segurança. Caso contrário, nenhum investimento conseguirá resistir por muito tempo.

O que achou de saber mais sobre segurança do trabalho na automação industrial? Conte-nos e não deixe de acompanhar os conteúdos da Murreletronik.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *