EDS - Electronic Data Sheets

Vamos falar de Electronic Data Sheets (EDS) – EtherNet/IP?

Acabo de completar uma análise das novas mudanças do EDS que foram feiras no RsLogix5000. Eis o que descobri:

Sumário Rápido

Apesar da grande insistência de marketing quanto ao valor dos valores do Electronic Data Sheets antes de 2012, não houve vantagem nenhuma em se construir arquivos Electronic Data Sheets  com dados completos de produtos. Foram poucas – se é que existiram – as ferramentas que estavam aptas a usar estes tipos de arquivos Electronic Data Sheets do jeito que foram propostos.

Agora, com a V20 do RsLogix5000, tudo isso mudou. Este artigo técnico descreve as mudanças e como os fornecedores de aparelhos podem se beneficiar delas.

Arquivo EDS – Visão Geral

As Electronic Data Sheets (EDS) – são, simplesmente, arquivos ASCII que descrevem como um aparelho pode ser usado em uma rede de EtherNet/IP. Elas descrevem os objetos, os atributos e os serviços disponíveis no aparelho.

No mínimo, um arquivo EDS comunica a informação de identidade requerida para que uma ferramenta de rede reconheça o serviço. Para os Scanners de EtherNet/IP, o Arquivo EDS File comunica informação a respeito das mensagens de I/O dos Adaptadores de EtherNet/IP. Ele discrimina os detalhes específicos da Mensagem de Input produzida pelo Adaptador de EtherNet/IP e a mensagem de Output consumida pelo Adaptador.

A quantidade de informação armazenada em um arquivo EDS varia de um aparelho ao outro. Alguns fabricantes armazenam a quantidade mínima de informação no arquivo EDS, enquanto outros aparelhos armazenam todos os detalhes de cada objeto e atributo contido no aparelho.

Algumas vezes, os arquivos EDS são embarcados com um aparelho em determinado formato de mídia, qual seja um CD ou são disponibilizados no site da web dos fabricantes do aparelho. Alguns aparelhos com armazenagem de dados expandida contêm o arquivo EDS internamente, dentro do aparelho.

Estrutura do Arquivo EDS

Seção de Arquivo– Administra o arquivo EDS. Algumas vezes, a palavra chave de URL proporciona um link para um site da web no qual pode ser encontrada a versão mais recente do EDS.

Seção do Aparelho – Proporciona informação de chaveamento que casa o EDS com uma revisão em particular de uma aparelho. Os três primeiros atributos do objeto de identidade (Objeto # 1) são usados pelas ferramentas de rede para verificar se este arquivo EDS (Fornecedor, Modelo, etc.) mais a revisão do aparelho casam com a informação encontrada no aparelho. A ferramenta de rede não vai se conectar com um aparelho a menos que todos os quatro Parâmetros de Objeto de Identidade estejam casados.

De forma errônea, algumas pessoas acreditam que o número de revisão menor está incluído nesta combinação, mas isso não é verdade.

A ODVA recomenda que o ícone para o aparelho seja especificado dentro do EDS, de modo que os usuários possam ter uma forma gráfica de distinguir os aparelhos.

Seção de Classificação de Aparelho– Classifica o EDS para uma rede de EtherNet/IP. A Seção de Classificação de Aparelho é requerida para rodos os aparelhos de EtherNet/IP.

Seção de Gerente de Conexão – Identifica as conexões de CIP que se encontram disponíveis no aparelho. Esta seção indica, para o Scanner de EtherNet/IP, os gatilhos e os transportes disponíveis no aparelho. Se um aparelho suportar conexões múltiplas, cada conexão deverá ser detalhada nesta seção.

Somente as conexões que forem especificadas nesta seção poderão ser usadas em uma ferramenta de configuração com base em EDS.

 Seção de montagem, parâmetro e classe de parâmetro – Estas seções são preenchidas conforme o necessário. Para valores que são limitados a um conjunto definido de valores, pode ser usada a enumeração para se especificar esses valores. As faixas de variação de valores podem ser especificadas aqui também, para os parâmetros configuráveis.

Seção de capacidade – Esta seção indica o número de conexões disponíveis no aparelho e as velocidades de conexão.

Seção de porta – Esta seção descreve a porta de Ethernet. Ela só se aplica aos aparelhos que fazem o roteamento de CIP. É desnecessária para os aparelhos que contêm uma única porta de CIP.

Dados de Configuração

Os Arquivos EDS também suportam a definição do bloco de Configuração. O bloco de dados de Configuração é, simplesmente, uma série de palavras de dados que são baixados para o aparelho durante a inicialização ou um reset. Estes blocos proporcionam uma inicialização de única vez de um aparelho de EtherNet/IP.

Verificador de Arquivos EDS 

A ODVA (Open Device Vendor Association) deixou de fornecer o EDS File Checker, o qual validava a configuração dos Arquivos EDS. Até onde eu sei, nenhum outro fornecedor está proporcionando essa ferramenta.

A ODVA está proporcionando uma ferramenta chamada EZ-EDS™. A EZ-EDS é uma ferramenta para a criação e manutenção de EDS. Ela reduz o tempo para se criar um EDS por meio de orientação intuitiva ao usuário e ao dar suporte para todos os construtos de EDS com capacidades de extensão para futuras seções e palavras-chave. Ao se usar esta utilidade, o processo de EDS deixa de ser um processo longo e iterativo, tornando-se uma tarefa simples e direta, que pode ser completada de forma rápida e efetiva. O link para a EZ-EDS é http://www.odva.org/Home/CIPNETWORKSPECIFICATIONS/Order/Software/EZEDS/tabid/197/lng/en-US/Default.aspx.

Alterações na V20 da RsLogix5000

Depois de muitos anos, a V20 da ferramenta de programação RsLogix5000 da Rockwell agregou suporte para os Arquivos EDS. Aqui está uma lista das alterações:

Suporte de Configuração

Esta versão da RsLogix proporciona, a um usuário final, a capacidade de configurar um aparelho usando enumeração, Ranges [faixas de variação] e outras limitações impostas sobre um parâmetro de configuração conforme especificado no arquivo Electronic Data Sheets.

Antes desta versão, os usuários finais tinham de usar, de modo típico, uma ferramenta do fornecedor, uma página da web, um display embutido ou algum outro mecanismo para configurar um aparelho. Agora, a configuração de todos os aparelhos pode ser feita a partir desta ferramenta única e idêntica.

Configuration Data Block Support

Agora, os blocos de dados de configuração também podem ser definidos pela RsLogix5000, caso seja exposta como uma estrutura significativa de dados dentro do Electronic Data Sheets.

Module Discovery

Agora você pode pesquisar aparelhos na rede com arquivos Electronic Data Sheets suportados e adicioná-los à lista de escaneamento de I/O mediante um único apertar de botão. Você não precisa mais saber o número de catálogo, o número de slot ou o endereço de rede para adicionar um aparelho à árvore de I/O.

O que ainda está Faltando

Uma decepção. Ficamos desapontados ao sabermos que, diferentemente dos dados de configuração, os Conjuntos de Input e Output de Servidores de EtherNet/IP ainda são definidos como Tags compostas por um bloco de dados, mesmo quando o Electronic Data Sheets definiu a estrutura de modo significativo.

Esse texto foi traduzido do Portal da RTA do autor John Rinaldi, quer saber mais sobre EtherNet/IP? Confira nossos outros posts sobre esse assunto: EtherNet/IP Seguindo em Frente!, Protocolos de Redes, Conheça-os – Ethernet IPEu vou utilizar Ethernet Industrial, e agora?6 coisas que você deve saber sobre EtherNet/IP

E se ainda sobrou alguma dúvida, clique no botão abaixo e receba uma ligação nossa.

Se o botão não estiver funcionando Clique Aqui!

Facebooktwittergoogle_pluslinkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *