Protocolo de Rede Profinet

Conheça sobre o Profinet, Protocolos de Rede Industrial

Profinet é a confirmação das tendências de uso de Redes Industriais baseadas em protocolos oriundos do TCP/IP Ethernet. Evolução da Rede Profibus, o Profinet também traz as Redes Industriais para se comunicar com sistemas e aplicativos de negócios, além de facilitar a sua adoção simplificando conexões de campo, componentes necessários e configurações exigidas.

Profinet e a resposta Profibus à grande tendência da Ethernet

Para aqueles que à algum tempo tem contato com o assunto Redes Industriais, é fácil lembrar do momento onde a Associação Profibus criticava a tentativa de trazer a Ethernet para o chão de fábrica, falando de todos os problemas que esta rede possuía frente aos desafios das aplicações industriais. Neste momento é fácil entender como esta percepção foi superada com a criação e incentivo à adoção das Redes baseadas em Ethernet, como a Rede Industrial Profinet.

O grande apelo para os desenvolvimentos que mesclam os benefícios das Redes baseadas em Ethernet TCP/IP e das Redes Industriais, foram as demandas de:

  • Aproximar de forma consistente o Chão de Fábrica do ambiente de Tecnologia da Informação, integrando os conhecidos softwares SCADA (Supervisórios de máquinas e equipamentos) aos Sistemas de Gestão Empresarial ou Gestão de Produção (ERPs, MES etc.);
  • Simplificar e reduzir os custos de componentes e mão de obra nas instalações de Redes Industriais, adotando padrões de cabeamento e conectividade conhecidos do mercado;
  • Aumentar a flexibilidade e versatilidade das aplicações de Redes Industriais a partir de padrões mais escaláveis e de maior capacidade de distribuição de dados, seja lógica ou físicamente.

Um avanço que já foi visto anteriormente

Estudos apresentados pela PI Brasil (Associação Profibus e Profinet) demonstram que a curva de adoção do Profinet para os períodos de 2001 a 2013 é exatamente igual a curva de adoção do Profibus para os períodos de 1991 a 2007.

Um dos movimentos que deu grande força ao Profinet aconteceu em 2004 quando as quatro maiores montadoras Alemãs adotaram esta Rede Industrial como o padrão a ser adotado pelos novos projetos para instalações. Uma das grandes demandas das montadoras era a conexão do Chão de Fábrica aos sistemas de Gestão e Programação de Produção.

É claro que a adoção de tecnologias devem ser analisadas com cuidado, pois, como já apresentamos em outros artigos, a decisão sobre qual Rede Industrial adotar deve passar por análises diversas.

Isso não tira o mérito do espaço que Redes Industriais baseadas em IP tem ganhado de forma consistente. Deixaram de ser somente uma possibilidade ou mesmo uma tendência. A questão agora é entender quais são os principais benefícios oferecidos por cada uma delas, inclusive quando falamos de comunicação com outras Redes Industriais já implantadas em máquinas, equipamentos e processos industriais.

Lembramos que outras Redes Industriais baseadas em Ethernet valem nossa atenção, como Ethernet IP e EtherCAT. Escreveremos sobre outras Redes brevemente.

Alguns dos benefícios declarados para o Profinet

Os principais benefícios declarados da adoção do Profinet são:

  • A diversidade de marcas fornecendo os mais diversos componentes para Profinet garantem que aplicações sejam feitas de forma completa e com custo adequado;
  • A modularização das máquinas e equipamentos é garantida pela flexibilidade de conexão oferecida pelos componentes de campo e seus padrões abertos;
  • A utilização de componentes padrão Ethernet TCP/IP, padrão IEEE 802.3 tornam muito mais simples todo o fornecimento instalações e adoção do Profinet por parte dos clientes. Em instalações cabeadas utilização o padrão Ethernet CAT 5 ou mesmo em instalações Wireless desenvolvidas para Profinet é utilizadas por empresas como possibilidade de conexão de dados;
  • Uma Rede Industrial de alta confiabilidade e disponibilidade por conta dos padrões e protocolos de comunicação utilizados, bem como pela sua capacidade de escalabilidade tornam o Profinet uma Rede Industrial para grandes aplicações;
  • A integração com alguns dos mais conhecidos padrões de Fieldbus adotados pela indústria proporcionam que a nova tecnologia “converse” com instalações já realizadas;
  • A força da Associação Profibus e Profinet dá um grande apoio institucional e técnico, já que definições de padrões, publicação de informações, criação de grupos de estudos, formação e certificação de profissionais e empresas, é realizado por ela.

Algumas versões do Profinet

De forma muito breve, vamos falar de algumas versões ou ramificações do Profinet:

  • Profinet IO – Padrão adotado com maior intensidade, depois da versão Profinet CBA ser menos considerado para uso. Com grande versatilidade quanto as suas possibilidades de conexão física (Cabo CAT 5 em topologias diversas e Wireless) ou lógica;
  • Profinet IRT – Adotado preferencialmente pela indústria Automobilística, o Profinet IRT apresenta modificações consideráveis quanto ao protocolo de comunicação adotado, bem como considerações sobre performance e velocidade;
  • Profinet Energy – Versão da Rede Industrial que oferece grandes ganhos no gerenciamento de energia de máquinas e equipamentos, muito utilizada para proporcionar supervisão e gerenciamento buscando a redução dos custos de energia elétrica de instalações;
  • Profinet Safe – Versão desenvolvida para a comunicação segura (Fail-Safe) para aplicações mais exigentes, inclusive envolvendo Profibus e Profinet. Substitui a necessidade de adoção de barramentos específicos para comunicações seguras, adotando meios físicos padrão Profinet.

Somente um primeiro “passeio” sobre o Profinet!

Você já conhece o compromisso que temos em disseminar conhecimento sobre Automação Industrial, certo? Este artigo é mais uma comprovação disso. Mas, se entende que a adoção do Profinet pode trazer benefícios para seus projetos, faça contato com a nossa Engenharia de Aplicação, nossos profissionais ajudarão você a resolver estas questões.

Se o botão não estiver funcionando Clique Aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *